Pratos Veganos Fáceis

Pratos Veganos Faceis

Um grande problema do dia a dia é olhar os vegetais na geladeira e não saber o que fazer com eles. Pensando nisso eu resolvi começar uma nova série de pratos e acompanhamentos veganos simples aqui no blog e no canal.
Pratos veganos fáceis e rápidos de fazer para acompanhar arroz e feijão, macarrão e até mesmo um pão.
As receitas de hoje são: antepasto de berinjela de panela, refogado oriental e pequenas panquecas veganas de abobrinha.
Os ingredientes chave de hoje são berinjela, brócolis, cenoura e abobrinha. Você pode fazer a substitução que achar necessária, as panquecas devem ficar deliciosas com cenoura por exemplo.

Antepasto de Berinjela Vegano de Panela

2 dentes de alho picados
1/2 pimentão vermelho picado em cubos
1/2 pimentão amarelo picado em cubos
2 berinjelas picadas em cubos
1/4 xícara de uvas passa
1/4 xícara de azeitonas picadas
1/2 colher de sopa de páprica defumada
Sal e pimenta do reino

Refogue o alho até dourar. Adicione a berinjela e refogue até começar a amolecer.
Adicione os pimentões, a uva passa, a azeitona e a páprica. Tempere com sal e pimenta.
Refogue bem até que todos os ingredientes estejam macios e a berinjela bem cozida e está pronto.

Refogado Oriental

Pratos Veganos Faceis
Refogado Oriental

2 dentes de alho picados
1 cenoura picada
1/2 pimentão vermelho picado
1/2 pimentão amarelo picado
1/2 brócolis
2 xícaras de repolho picado
1/4 xícara de amendoim
1/4 xícara de molho shoyu
1/4 xícara de água
1 colher de sopa de amido de milho
Pimenta do reino

Em uma frigideira grande refogue o alho até começar a dourar. Adicione a cenoura e tampe a frigideira.
Quando a cenoura começar a amolecer, se necessário adicione um pouco de água, adicione os pimentões.
Adicione o brócolis, comece pelos talos que são mais duros para cozinhar, refogue eles alguns minutinhos antes de adicionar os floretes.
Refogue tudo bem até que todos os vegetais estejam macios. Nesse momento adicione o repolho e o amendoim, deixe o repolho murchar um pouco.
Em uma tigelinha misture o shoyu, a água e o amido de milho. Despeje na frigideira e mexa bem.
Deixe o molho encorpar, tempere com pimenta do reino e está pronto.

Panquecas Veganas de Abobrinha

Pratos Veganos Faceis
Panquecas Veganas de Abobrinha

1 colher de sopa de farinha de linhaça (se não tiver a farinha triture a linhaça no liquidificador)
2 colheres de sopa de água
1/2 abobrinha ralada
1/2 xícara de milho
1/2 colher de chá de páprica defumada
1/2 colher de chá de orégano
1/2 colher de chá de sal
1/2 xícara de farinha de arroz (pode usar de trigo)
Azeite ou óleo para a frigideira

Em uma tigelinha misture bem a farinha de linhaça e a água e deixe descansando por alguns minutos, até formar um gel.
Em uma tigela maior misture a abobrinha, o milho, a páprica, o orégano e o sal.
Junte a linhaça hidratada e misture bem.
Adicione a farinha de arroz e misture até formar uma massa.
Esquente bem uma frigideira com um fio de azeite ou óleo e coloque colheradas da massa. Espalhe a massa no formato de pequenas panquecas.
Frite as panquecas até dourar os dois lados.

Bolo de Milho Vegano

Bolo de Milho Vegano

Esse bolo de milho vegano é o bolo mais prático e fácil que eu faço e além de tudo é sem glúten!
É só bater tudo no liquidificador e assar.

Bolo de Milho Vegano

Bolo de Milho Vegano
Bolo de Milho Vegano

6 espigas de milho debulhadas (4 e 1/2 xícaras)
3/4 xícaras de açúcar
3/4 xícara de água
1/4 xícara de óleo
1 xícara de coco ralado

Coloque o milho, o açúcar, a água e o óleo no liquidificador e bata bem. Adicione o coco ralado e pulse o liquidificador algumas vezes, desligue e misture mais um pouco com uma colher.
Coloque a massa em uma assadeira untada com óleo, se quiser garantir e usar farinha pode.
Leve ao forno pré aquecido a 200 graus por 30-40 minutos ou até dourar bem.

Mungunzá (Canjica) Vegano

Mugunzá Canjica Vegano

Essa é a minha versão de mungunzá vegano, conhecido como canjica no sudeste.
Mungunzá é uma comida que foi muito presente na minha vida, eu sou nordestina e minha mãe tinha o costume de fazer para o jantar algumas vezes ao mês durante o ano todo. Pra mim além de uma comida de São João é uma comida do dia a dia também.
A diferença para o meu mungunzá e o que eu comia na infância é que eu uso algumas especiarias, aprendi a apreciar quando adulta e acho que melhora qualquer doce e qualquer comida. Se você quiser ou não tiver todas pode usar só o tradicional cravo e canela ou até fazer sem e polvilhar canela só na hora de servir.

Mugunzá (Canjica) Vegano

Mugunzá Canjica Vegano
Mugunzá Canjica Vegano

500 g de milho para mungunzá ou canjica demolhado por 12 horas
1 colher de sopa de canela
2 sementes de zimbro
4 dentes de cravo
12 bagas de cardamomo abertas
1 colher de chá de óleo
Água
1 xícara de açúcar
1/2 colher de chá de canela
1 litro de leite vegetal
1 colher de sopa de amido de milho dissolvido em 1/4 xícara de água

Escorra a água em que você deixou o milho de molho e coloque o milho na panela de pressão. Adicione a primeira colher de sopa de canela, o zimbro, o cravo e o cardamomo.
Cubra o milho com água deixando passar uns 2 a 3 dedos de água do nível do milho. Adicione o óleo.
Cozinhe o milho por 10 a 15 minutos depois de pegar a pressão, ou até que o milho esteja macio.
Abra a panela e junte o açúcar, o restante da canela e o leite vegetal. Deixe ferver.
Junte o amido de milho e deixe ferver até começar a encorpar.
Retire o mungunzá do fogo com o caldo ainda um pouco ralo, quando esfria o milho continua a absorver o caldo e pode ficar seco. Na hora de esquentar junte mais um pouco de leite vegetal ou água para que volte a ficar cremoso.

Pão Vegano Fácil

Pão Vegano Fácil

Pão vegano muito fácil de fazer para iniciantes em panificação. Macio e fofinho como pão comprado no supermercado, com boa durabilidade e econômico.
O vídeo tem todas as dicas para você não errar mais na hora de fazer pães. Você pode saborizar com especiarias, castanhas, frutas secas ou fazer com metade da farinha integral e transformar essa massa versátil em vários outros tipos de pães.

Pão Vegano Fácil

Pão Vegano Fácil
Pão Vegano Fácil

1 1/2 xícaras de água
1/4 xícara de óleo
1/2 xícara de açúcar
1 colher de sopa de fermento
4 1/2 xícaras de farinha de trigo
1 1/2 colheres de chá de sal

Em uma tigela junte a água*, o óleo, o açúcar e o fermento e misture bem. Adicione a farinha aos poucos e o sal e misture.
Leve a massa a uma bancada e sove por 10 minutos**.
Cubra a massa e deixe descansar por 1 hora ou até que a massa esteja bem crescida***.
Retire a massa da tigela com cuidado, modele e coloque em uma assadeira (eu usei uma assadeira de bolo inglês) e deixe fermentar por 1 hora ou até que esteja bem crescido.
Leve ao forno pré aquecido a 200 graus e asse até que o pão esteja bem dourado, mais ou menos 40 minutos.

* Tenha cuidado com a temperatura da água nas receitas de pão! Algumas receitas pedem água morna e algumas pessoas usam água muito quente, eu já fiz isso e perdi alguns pães.
A água quente mata as leveduras e o pão não cresce. Eu sempre uso água fria e dá certo.
**Essa massa é naturalmente grudenta, resista ao impulso de colocar farinha até a massa soltar da mão. Se ela estiver grudando muito durante a sova coloque um pouco de farinha na bancada pra ajudar. Outra dica é lavar as mãos quando elas estiverem muito grudentas e sujas de massa, volte a sovar com as mãos úmidas.
*** Só asse o seu pão se ele realmente estiver crescido. Se o pão não cresceu ele não vai ter um salto espetacular dentro do forno, se você assar mal fermentado vai ter um pão mal crescido e duro, até mesmo solado.
Deixe a massa crescer a vontade, nem que você tenha que esperar 4, 5 ou 6 horas, se o fermento estiver vivo a massa vai crescer de qualquer jeito.
Se a massa não cresceu o suficiente e você tiver que ir dormir embale bem, coloque na geladeira e asse no outro dia.
Fermentação lenta é até mais saudável e os pães são mais gostosos.

Como Preparar Tofu

Como Preparar Tofu

Eu detestava tofu e aprendi a gostar usando alguns truques e preparando do jeito certo, hoje eu adoro e até congelo para não faltar.
O maior motivo de eu odiar tofu era a textura esponjosa e o gosto de soja crua que eu sentia quando comia. Resolvi isso cortando o tofu menor ou o mais fino possível, assim ele sempre fica temperadinho e crocante, nada molengo e sem tempero.
Existem muitas formas de preparar mas as que eu mais gosto e acho que iniciantes em tofu podem gostar são meu cubinhos dourados de tofu e fatias de tofu picantes para sanduíche.
video

Como Preparar Tofu
Como Preparar Tofu

Tofu Para Iniciantes

pinterest

Cubinhos Dourados de Tofu

250 g de tofu
2 a 4 colheres de sopa de molho shoyu
2 colheres de sopa de alho em flocos
Pimenta do reino
1 colher de sopa de azeite ou óleo
1 colher de chá de óleo de gergelim

Corte o tofu em cubinhos pequenos. É importante que os cubinhos sejam realmente pequenos para que o tofu fique temperadinho e crocante.
Coloque os cubinhos em uma tigela e adicione o molho shoyu, o alho e a pimenta. Deixe descansa por 20 a 30 minutos.
Esquente uma figideira antiaderente, coloque o azeite e o óleo de gergelim. Escorra a marinada do tofu e leve a frigideira.
Frite até dourar, vire os cubinhos para dourar o outro lado. Tente dourar o máximo que você puder para que o tofu fique crocante.

Brócolis Refogado (Acompanhamento Do Tofu)

5 dentes de alho picados
1 brócolis
Azeite para refogar
Sal e pimenta do reino
2 colheres de sopa de água

Corte o brócolis em floretes e o talo em pedaços pequenos.
Para aproveitar todo o brócolis eu também refogo os talos, eles demoram mais para cozinhar e eu resolvo isso colocando eles para refogar antes dos floretes.
Refogue o alho até dourar, adicione os talos do brócolis, tampe e deixe cozinhar por uns 3 minutos.
Adicione os floretes, tempere com sal e pimenta do reino. Junte a água e tampe para o brócolis cozinhar com o vapor.
Deixe cozinhar, mexendo de vez em quando, até que o brócolis esteja macio mas ainda al dente.

Fatias de Tofu Picantes

2 fatias finas de tofu
5 colheres de sopa de molho inglês
2 colheres de sopa de alho em flocos

Pimenta do reino
1/2 colher de chá de pimenta vermelha em pó
Azeite para fritar

Coloque as fatias de tofu em uma tigela e junte o molho inglês, o alho, a pimenta do reino e a pimenta vermelha. Misture bem e deixe descansar por 20 minutos.
Esquente uma frigideira antiaderente com um fio de azeite, escorra a marinada e coloque as fatias de tofu na frigideira quente.
Frite até dourar os dois lados.



Panqueca Vegana – 4 Receitas Simples

Panqueca Vegana

Quatro receitas de panquecas veganas simples de fazer e com ingredientes básicos. São três panquecas doces e uma salgada: panqueca doce tradicional, panqueca doce sem trigo feita com farinha de aveia, panqueca de chocolate e panqueca salgada sem trigo feita com farinha de milho.
Com a quarentena e a impossibilidade de sair o tempo todo, se puder fique em casa, para comprar pão, tomar um café na padaria ou mesmo pelo tédio é bom variar e essas panquecas veganas são perfeitas para isso, inclusive para fazer com crianças.

VIDEO

Panquecas Veganas

PINTEREST

Panqueca doce tradicional

1 xícara de farinha de trigo
2 colheres de sopa de açúcar
1/2 colher de sopa de fermento
2 colheres de sopa de óleo
1/2 colher de chá de canela
3/4 xícara de água
1 colher de sopa de vinagre (ajuda a ficarem fofinhas e não fica o gosto)

Em uma tigela misture a farinha, o açúcar, o fermento, o óleo e a canela. Adicione a água e misture delicadamente até a massa ficar homogênea e com a consistência de massa de bolo.
Adicione o vinagre e misture delicadamente.
Aqueça uma frigideira e unte com 1 fio de óleo. Mesmo que a frigideira seja anti aderente eu gosto de usar 1 fio de óleo para fazer a primeira panqueca.
Despeje uma concha pequena de massa no centro da frigideira, não espalhe a massa. Quando a massa começar a ficar com as bordas firmes e com aparência de cozida vire a panqueca delicadamente e deixe cozinhar o outro lado. Você pode levantar a pontinha da panqueca com a espátula e verificar se ela está dourada o suficiente antes de virar.
Faça isso com o restante da massa.
Sirva as panquecas quentinhas com melaço ou qualquer calda e frutas de sua preferência.
Eu servi as minhas com mel de rapadura caseiro e banana.

Panqueca doce sem trigo

1 1/2 xícaras de farinha de aveia
1 colher de sopa de açúcar
1/2 colher de sopa de fermento
1 colheres de sopa de óleo
1/2 colher de chá de canela
1/2 xícara de água
1 colher de sopa de vinagre (ajuda a ficarem fofinhas e não fica o gosto)

Em uma tigela misture a farinha de aveia, o açúcar, o fermento, o óleo e a canela. Adicione a água e misture delicadamente até a massa ficar homogênea.
Adicione o vinagre e misture delicadamente.
Aqueça uma frigideira e unte com 1 fio de óleo. Mesmo que a frigideira seja anti aderente eu gosto de usar 1 fio de óleo para fazer a primeira panqueca.
Despeje uma concha pequena de massa no centro da frigideira, não espalhe a massa. Quando a massa começar a ficar com as bordas firmes e com aparência de cozida vire a panqueca delicadamente e deixe cozinhar o outro lado. Você pode levantar a pontinha da panqueca com a espátula e verificar se ela está dourada o suficiente antes de virar.
A farinha de aveia pode absorver toda a água enquanto você faz as panquecas e a massa pode ficar dura, se isso acontecer junte uma ou duas colheres de água, misture bem e continue fazendo as panquecas normalmente.
Faça isso com o restante da massa.
Sirva as panquecas quentinhas com melaço ou qualquer calda e frutas de sua preferência. Uma opção é servir as panquecas com geléia.
Eu servi as minhas com melaço de cana e banana.

Panquecas de chocolate

1 xícara de farinha de trigo
2 colheres de sopa de açúcar
1/2 colher de sopa de fermento
2 colheres de sopa de óleo
1/4 xícara de cacau em pó
3/4 xícara de água
1 colher de sopa de vinagre (ajuda a ficarem fofinhas e não fica o gosto)

Calda de chocolate

1 xícara de cacau em pó
1 xícara de água
3/4 xícara de açúcar

Em uma tigela misture a farinha, o açúcar, o fermento, o óleo e o cacau. Adicione a água e misture delicadamente até a massa ficar homogênea e com a consistência de massa de bolo.
Adicione o vinagre e misture delicadamente.
Aqueça uma frigideira e unte com 1 fio de óleo. Mesmo que a frigideira seja anti aderente eu gosto de usar 1 fio de óleo para fazer a primeira panqueca.
Despeje uma concha pequena de massa no centro da frigideira, não espalhe a massa. Quando a massa começar a ficar com as bordas firmes e com aparência de cozida vire a panqueca delicadamente e deixe cozinhar o outro lado. Você pode levantar a pontinha da panqueca com a espátula e verificar se ela está dourada o suficiente antes de virar.
Faça isso com o restante da massa.
Para fazer a calda de chocolate misture todos os ingredientes em uma panelinha e leve ao fogo baixo, mexendo de vez em quando, até a calda engrossar.
Tenha cuidado, as vezes durante a fervura a calda derrama no fogão, fique atento e quando começar a levantar fervura mexa bem a calda ou diminua o fogo.
Sirva as panquecas quentinhas com calda de chocolate, melaço ou qualquer calda e frutas de sua preferência.
Eu servi as minhas com calda de chocolate e banana.

Panqueca salgada sem trigo

1 xícara de farinha de milho (se só tiver em flocos bata no liquidificador)
1/2 colher de chá de orégano
1/2 colher de chá de páprica
1/2 colher de chá de sal
1 tomate picado
2 colheres de sopa de azeitona picada
1/2 xícara de água + 1/4 xícara de água
Azeite ou óleo para untar a frigideira

Em uma tigela misture a farinha de milho, o orégano, a páprica e o sal e misture bem. Adicione o tomate e as azeitonas.
Junte 1/2 xícara de água, misture bem e deixe descansar por 5 minutos. Junte mais 1/4 de xícara de água e misture.
Aqueça uma frigideira e unte o fundo com um pouco de óleo ou azeite, essa panqueca precisa de um pouco mais que as outras e eu reponho o azeite a cada panqueca que eu faço.
Despeje uma concha pequena de massa no centro da frigideira e arrume a massa com a ajuda de uma espátula, ela não é tão fluida como as outras massas e você precisa dar a forma.
Quando a massa começar a ficar com as bordas firmes e com aparência de cozida vire a panqueca delicadamente e deixe cozinhar o outro lado. Você pode levantar a pontinha da panqueca com a espátula e verificar se ela está dourada o suficiente antes de virar. Tenha cuidado, essa panqueca é mais frágil que as outras.
Repita esse procedimento com o restante da massa.
Sirva as panquecas quentinhas. Servi a minha com patê de semente de abóbora, deve ficar deliciosa com hommus, guacamole ou algum tipo de requeijão vegetal.

Ovos de Páscoa Recheados Veganos

Ovos de Páscoa Recheados Veganos

Nessa páscoa preparei cinco receitas de ovos de páscoa recheados veganos e muito simples de fazer. Ovo de maracujá, ganache com paçoca, prestígio, torta de limão e de brigadeiro.
A receita do leite condensado é inspirada na receita postada pelo Rodrigo Guglieri no grupo Veg Ajuda no dia 28 de janeiro.

Ovos de Páscoa Recheados Veganos

Ovos de Páscoa Recheados Veganos
Ovos de Páscoa Recheados Veganos

Ovos

625 g de chocolate vegano (125 g para cada ovo)

Para fazer as casquinhas dos ovos da páscoa eu comecei fazendo uma temperagem não muito rigorosa do chocolate por o método da adição. O meu chocolate não precisava de temperagem e como ele ia ficar na geladeira eu não me preocupei muito com isso. Se o seu chocolate precisar siga as instruções da embalagem.
Usei uma forma sanduíche para modelar os ovos, é mais fácil de usar e não faz a bagunça que passar camada por camada de chocolate na forma mais.
A minha forma faz 3 ovos por vez, então eu derreti em banho maria 300 g de chocolate, 80% do total utilizado, retirei do banho maria e adicionei 75 g de chocolate para resfriar, cerca de 20% do total.
Derreti bem o restante do chocolate e mexi até que o chocolate resfriasse mas ainda continuasse líquido, ele encorpa mas não pode endurecer.
Coloquei o chocolate nas forminhas e levei a geladeira até que a forminha ficasse suada e o chocolate desgrudasse dela.
Desenformei e guardei os ovos até a hora de rechear.

Ovo de Maracujá

2 maracujás
200 mL de leite de coco
1/4 xícara de açúcar
1/4 xícara de amido de milho

Bata os maracujás no modo pulsar do liquidificador para soltar as sementes e coe.
Leve os maracujás coados a uma panelinha junto com o leite de coco, o açúcar e o amido de milho.
Cozinhe a mistura em fogo baixo, mexendo o tempo todo, até que engrosse. Deixe esfriar.
Recheie o ovo com o creme frio e decore a seu gosto, eu usei chocolate mas imagino que uma geléia de maracujá fique incrível.

Ovo de Ganache de Chocolate com Paçoca

100 g de chocolate
50 mL de leite de coco
4 paçocas – 60 g
+ paçocas para decorar

Derreta o chocolate junto com o leite de coco em banho maria. Leve a geladeira para esfriar até ficar firme.
Quando a ganache endurecer retire da geladeira, coloque em uma batedeira e bata até ficar aerada, junte a paçoca e bata mais um pouco.
Recheie o ovo com a ganache de paçoca e decore com paçoca esfarelada.

Ovo Prestígio

1/4 xícara de açúcar
1 xícara de leite de coco
1 xícara de coco ralado
50-80 g de chocolate derretido e resfriado para a cobertura

Leve o açúcar e o leite de coco ao fogo baixo, mexendo sempre, até que a mistura comece a engrossar e você veja o fundo da panela quando passa a colher.
Junte o coco ralado e misture bem. Coloque o recheio em uma tigela e deixe esfriar.
Quando o recheio estiver frio passe nas paredes do ovo, esse tem um formato diferente, e cubra com o chocolate derretido. Leve a geladeira para o chocolate endurecer.

Ovo Torta de Limão

Recheio

1/2 xícara de amêndoas
1/2 xícara de açúcar
1/4 xícara de suco de limão + um pouco de água quente se precisar ajudar a bater
1/2 colher de chá de raspas de limão

Crumble

1/4 xícara de farinha de trigo
2 colheres de sopa de açúcar
2 a 3 colheres de sopa de óleo de coco derretido

Marshmallow

75 mL de leite de coco
2 colheres de sopa de açúcar
1/2 colher de sopa de emulsificante

Comece congelando os 75 mL de leite de coco para fazer o marshmallow.
Para fazer o crumble misture em um tigela a farinha de trigo, o açúcar e o óleo de coco. Misture com as pontinhas dos dedos até formar uma farofinha úmida.
Coloque em uma assadeira anti aderente ou untada e leve ao forno a 180 graus por 10 minutos ou até dourar. Tenha cuidado e observe quando o crumble estiver no forno, ele queima muito rápido. Deixe esfriar.
Para fazer o recheio retire a pele das amêndoas fervendo por 3 minutos, escorra e dê um banho de água fria. Depois da fervura a pele delas solta e sai muito fácil com um apertão.
Depois que retirar a casca ferva novamente as amêndoas por 3 a 5 minutos, escorra e coloque no liquidificador. Adicione o açúcar, o suco de limão e as raspas e bata bem.
Para fazer o marshmallow retire o leite de coco do congelador e quebre em pedacinhos pequenos. Junte o açúcar e o emulsificante e bata bem com a batedeira, no começo é difícil e os pedacinhos congelados escapam da tigela mas persista que dá certo. Bata até que a misture fique no ponto de marshmallow.
Recheie o ovo com o creme de limão e cubra com o crumble, coloque o marshmallow em um saco de confeitar e decore. Se você não tiver saco de confeitar pode passar com uma colher.

Ovo de Brigadeiro

Leite Condensado

1/2 xícara de amêndoas
1/2 xícara de açúcar
1/2 xícara de água quente

Brigadeiro

Leite condensado de amêndoas
1/2 xícara de cacau em pó
Granulado para decorar

Para fazer o leite condensado retire a pele das amêndoas fervendo por 3 minutos, escorra e dê um banho de água fria. Depois da fervura a pele delas solta e sai muito fácil com um apertão.
Depois que retirar a casca ferva novamente as amêndoas por 3 a 5 minutos, escorra e coloque no liquidificador. Junte o açúcar e a água quente e bata bem.
Coloque o leite condensado de amêndoas e o cacau em uma panelinha e leve ao fogo baixo, mexendo o tempo todo, até que a mistura comece a soltar da panela. Deixe esfriar.
Quando o brigadeiro estiver frio recheie os ovos e decore com granulado. Deixe um pouquinho de brigadeiro para fazer bolinhas e passar no granulado.



Pão de Alho Vegano

Pão de Alho Vegano

Pão de alho vegano para não passar mais vontade no churrasco! Simples de fazer, barato, pode assar na churrasqueira ou no forno, pode usar pão francês velho ou fresco, pode usar outro tipo de pão, colocar ervas, enfim a receita é muito adaptável.
A maionese é feita com a água da conserva da ervilha e pode ser usada para fazer salada de maionese, salpicão ou o que você quiser. Tenho uma receita de salada com ela aqui.

Pão de Alho Vegano

Pão de Alho Vegano
Pão de Alho Vegano

1/2 xícara de água da conserva de uma lata de ervilha
1/4 xícara de suco de limão
1/2 colher de chá de sal
4 dentes de alho
1/4 xícara de azeite de oliva
Óleo vegetal até encorpar, usei 1 1/2 xícaras
8 pães

Coloque em um liquidificador a água da conserva das ervilhas, o suco de limão, o sal e o alho e bata bem.
Com o liquidificador ligado vá colocando óleo aos poucos até que a mistura encorpe e fique na consistência de maionese, você pode precisar de mais ou menos óleo do que o indicado na receita.
Faça cortes no pão, passe a maionese dentro dos cortes, passe por cima dos pães e acomode em uma assadeira.
Leve o forno pré aquecido a 200 graus por 12 minutos ou até dourar.

Prestígio Vegano

Coco, leite de coco e açúcar. É só isso que você vai precisar para fazer o recheio delicioso desse prestígio vegano.
Essa receita tem o sabor bem parecido com a minha lembrança de versão original com o bônus de poder usar o chocolate na graduação de cacau da sua preferência. Fica ainda mais gostoso que o orginal na minha opinião.

Prestígio Vegano

foto pinterest

1/2 xícara de açúcar
1 xícara de leite de coco
1 1/2 xícaras de coco ralado
120 g de chocolate

Leve o açúcar e o leite de coco ao fogo baixo, mexendo sempre, até começar a engrossar. Junte o coco ralado e misture bem.
Retire a mistura do fogo, coloque em uma tigela untada ou forrada com papel manteiga e leve a geladeira para esfriar.
Quando o recheio estiver frio ela ainda vai estar maleável, corte e modele o seu pretígio.
Coloque os pedaços de recheio modelados em um prato, todos separadinhos, e leve ao congelador por 1 ou 2 horas pra firmar.
Retire o recheio do congelador, banhe no chocolate, espere firmar e está pronto.

Acarajé Vegano Fácil

Acarajé Vegano

Eu sempre vejo falafel nos lanches e refeições veganas mas poucas vezes vi veganos fazendo acarajé. É uma pena, é um prato nacional fácil de veganizar, delicioso, cheio de cultura e história, tão fácil de fazer quanto um falafel e até mais barato.
Eu sinto uma imensa falta da comida do meu estado e pra matar a saudade faço essa receita de acarajés veganos com ingredientes que dá pra encontrar em quase todos os lugares do país e sem complicações. Não deixe de experimentar.
A receita do vatapá que recheia os acarajés está aqui.

Acarajé Vegano

Acarajé Vegano
Acarajé Vegano

2 xícaras de feijão fradinho deixado de molho por 12 horas
1/2 cebola
sal (coloquei mais ou menos uma colher de chá rasa)
Azeite de dendê para fritar (pode usar uma mistura de azeite de dendê e óleo vegetal)

Escorra a água do feijão fradinho e coloque no processador junto com a cebola e o sal.
Processe até que vire uma pasta lisa, se você deixar granulado o bolinho pode desmanchar.
Despeje a massa em uma tigela e bata com uma colher de pau até a massa ficar bem homogênea e aerada.
Esquente o óleo até uma temperatura média, não deixe muito quente pelo risco de o bolinho dourar por fora e ficar cru por dentro.
Modele os bolinhos com a ajuda de duas colheres e coloque delicadamente no óleo. Frite até que os acarajés fiquem bem dourados.
Escorra o óleo, deixe os bolinhos esfriarem um pouco e recheie com o vatapá e vinagrete.